2012

Cartaz 1º Andar – mostra de criadores emergentes 2012. Conceção de Joana Cruz

27.novembro.2012 > 21h30
Plataforma 285 > And yet it has just began
Covilhã > Auditório Teatro das Beiras

crédito foto: Rita Chantre

Sobre And yet it has just began:
“As pessoas não querem decidir de verdade. Querem que alguém lhes diga o que fazer, mas querem manter a aparência de que estão a decidir. Toda a gente tem medo de decidir. É difícil ser realmente livre e decidir. É um pesadelo. Quer dizer que tem de assumir completamente a responsabilidade”
Slavoj Zizek

Criação: Catarina Mago, Cecília Henriques, Luís Lucas Lopes, Rita Chantre e Raimundo Cosme | Interpretação: Catarina Mago, Cecília Henriques, Claúdio Teixeira e Raimundo Cosme | Figurinos: Catarina Mago e Raimundo Cosme | Fotografia de Cena: Rita Chantre | Vídeo: Luís Lucas Lopes | Produção Executiva e Direção de Cena: Carla Castro

 

29.novembro.2012 > 21h30
Rafaela Salvador > iDENTiDADE
Castelo Branco > Cine-Teatro Avenida

crédito foto: CEC 2012

Sobre iDENTiDADE:
Afastando as visões consumidas que constantemente trazem até nós os mesmos elementos e a mesma perspetiva dos ícones da cidade de Guimarães, iDENTiDADE é fruto de um processo de criação e de inúmeras descobertas, que visam enaltecer curiosidades e outros aspetos da cultura vimaranense, que tantas vezes vivem na sombra de outros extremamente recorrentes.
iDENTiDADE é um espetáculo de Dança Contemporânea, dirigido pela coreógrafa e bailarina Rafaela Salvador, acolhido pela Área das Artes Performativas da Capital Europeia da Cultura Guimarães 2012.

Coreografia: Rafaela Salvador | Interpretação: Bruno Alves, Jácome Filipe, Rafaela Salvador | Vídeo: Carlos Porfírio | Desenho de luz: Daniel Verdades | Seleção musical: Rafaela Salvador | Sonoplastia: Carlos Porfírio/ colaboração de Duarte Leitão | Montagem Musical a partir de músicas de: Zoe Keating, Ryuichi Sakamoto, J. S. Bach, Aphex Twin, Anathema, Massive Attack, Léo Delibes, Rimsky Korsakov , Giacomo Carissimi, Béla Bartók, Associação Antigos Estudantes do Liceu de Guimarães | Figurinos/Adereços: Rafaela Salvador, Margarida Salvador | Coprodução: FERVILHA, Associação Cultural e CEC Guimarães 2012 | Apoios: CJPorfírio, Dança Livre, Fidelizarte, Restaurante Fusão, Restaurante O Bom Amigo, Simbiente

 

29.novembro.2012 > 22h30
Lander Patrick > Noodles never break when boiled
Castelo Branco > Cine-Teatro Avenida

créditos reservados

Sobre Noodles never break when boiled:
Um nó é um ponto de interligação com uma estrutura ou teia. Os nós estabelecem comunicação entre diferentes pontos que culminam num ponto central. Este centro pode ser um fluxo ou um bloqueio. Esta performance foca-se em fluxos ou bloqueios de energia no cérebro, corpo e espaço. O corpo afoga-se num movimento líquido não codificado, onde se permite ser submisso, sob um estado mental (não) controlado. Os noodles (massa chinesa) estão em todo o lado. Os nós no chão. Misturar e remisturar, arranjar e estragar. Mudar.

Conceito, coreografia e interpretação: Lander Patrick | Música: Pan Sonic, Panda Bear | Edição de som: Lander Patrick | Desenho de luz: Lander Patrick

 

30.novembro.2012 > 21h30
Ana Madureira > CabraCega
Covilhã > Auditório Teatro das Beiras

créditos reservados

Sobre CabraCega:
Ai donzela com manha
Lançada por uma aranha
Presa por fios antigos
A mitos e cantos contidos
Se se liberta da teia
Dos uivos e roncos de outrora
No sono profundo ateia
O fogo que rasga a aurora

Cabracega é uma exploração sobre o que é ser mulher, num território obscuro entre sonho e realidade, entre gerações rurais e urbanas, uma busca de si mesma ensombrada por feitiços, seres mitológicos, cartas e estranhas vozes. É uma narrativa pouco verbal e muito dançada que convoca uma teia antiga que é preciso cortar para que nasça, fresca, a possibilidade do amor.

Ideia original e interpretação: Ana Madureira | Encenação: Pedro Fabião | Assistência de Encenação: Jaime Mears | Colaboração na criação: André Braga, Cláudia Figueiredo, Blaise Powell | Construção: Nuno Guedes, Nuno Brandão | Luz: Francisco Tavares Teles | Produção: Ana Carvalhosa (direção), Cláudia Santos | Apoios: Erva Daninha, Teatro do Frio, Rei Sem Roupa, Fábrica da Rua da Alegria/ESMAE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s